A infeção causada pelos parasitas responsáveis pela doença da tinta progride para o colo e parte inferior do caule onde aparecem umas manchas enegrecidas, que em condições de elevada humidade exsudam um líquido escuro. O líquido é semelhante à tinta que então era usada para escrever, o que determinou o nome da doença.