A designação de modelo tridimensional (3D) permite caraterizar uma forma ou objeto a três dimensões, obtida através de programas informáticos específicos. Com base num processo de representação matemática e recurso a formas geométricas, podem ser obtidas malhas mais ou menos complexas, que permitem dar a forma ao objeto final designado por modelo 3D. Como exemplo, as imagens médicas de TAC podem ser utilizadas num programa informático específico para a criação de um modelo (3D) por sobreposição das diferentes camadas do TAC e visualização da forma final.